Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2017

Sobre a Soberba

Bom dia! Ontem foi mais um daqueles dias cheios de trabalho, onde a sua opinião sempre vale menos que a dos outros, o fascismo generalizado e a competição sem lógica e fundamento de cada um mostrar o que pode, tem, acha que é ou acha que sabe chega naquele ponto em que você precisa contar até dez várias vezes ao dia. O importante é sempre ter simpatia e sorriso no rosto, certo? Um colega de trabalho acabou de se divorciar, faz menos de um ano, e está sedento por namorar, conhecer uma pessoa. O problema é que seu desespero é tão grande que ele, sempre que encontra alguma pretendente, vai "muito em cima", de forma que a moça acaba por se sentir até sufocada... Isso que quem está junto do cara também se sente assim, porque são tantos títulos, tantos 'achievements', tantos méritos e tantas qualidades que qualquer um se sente mal. A soberba não tem limites. O que vivenciei ontem já virou rotina. Não acontece apenas com o meu amigo: em qualquer lugar que vou e me rela

My Honda XL1000 Varadero Theme

Imagem

Sobre as Religiões de Matrizes Africanas

Imagem
Canto de Ossanha Vinicius de Moraes O canto da mais difícil E mais misteriosa das deusas Do candomblé baiano Aquela que sabe tudo Sobre as ervas Sobre a alquimia do amor Deaaá! Deeerê! Deaaá! O homem que diz dou Não dá! Porque quem dá mesmo Não diz! O homem que diz vou Não vai! Porque quando foi Já não quis! O homem que diz sou Não é! Porque quem é mesmo é Não sou! O homem que diz tou Não tá Porque ninguém tá Quando quer Coitado do homem que cai No canto de Ossanha Traidor! Coitado do homem que vai Atrás de mandinga de amor Vai! Vai! Vai! Vai! Não Vou! Vai! Vai! Vai! Vai! Não Vou! Vai! Vai! Vai! Vai! Não Vou! Vai! Vai! Vai! Vai! Não Vou! Que eu não sou ninguém de ir Em conversa de esquecer A tristeza de um amor Que passou Não! Eu só vou se for prá ver Uma estrela aparecer Na manhã de um novo amor Amigo sinhô Saravá Xangô me mandou lhe dizer Se é canto de Ossanha Não vá! Que muito vai se arrepender Pergunte pr'o seu Orixá O